Para pais, o câncer infantil é um grande desafio. Apesar de toda a insegurança e medo, crianças e adolescentes toleram e respondem melhor ao tratamento do câncer. Por esse motivo, as terapias são mais intensivas e invasivas. Ao mesmo tempo, eles podem apresentar fases de baixa imunidade, e por isso os pais precisam ter atenção às ações da criança durante o tratamento.

Sobre isso, aqui temos algumas observações para os pais e mães ficarem de olho para o que as crianças podem ou não fazer durante o tratamento do câncer.

 

Vacinas

Durante o tratamento com Quimioterapia, as crianças não podem tomar vacinas compostas por vírus vivos atenuados, como Poliomielite, Catapora e Febre Amarela.

 

Festas

Nos tratamentos, deve ser evitado lugares com aglomerações de pessoas durante a fase mais intensa da Quimioterapia, pelos riscos de infecção.

 

Praias e piscinas

Nas praias, as crianças não devem ter contato com a areia ou com o mar, porque a poluição pode causar infecções. Já nas piscinas, não devem ser frequentadas, pois os fungos que aparecem nas bordas delas também são prejudiciais.

 

Alimentos

Durante as fases de baixa imunidade, não deverão ser consumidos alimentos crus, como verduras, legumes e frutas. A carne crua também não pode ser consumida durante todo o tratamento, pelo risco de Toxoplasmose.

Publicado em: 23 de julho de 2021
Compartilhar:

VEJA TAMBÉM